Pequena nota sobre as manifestações...



Alguns perguntam o porquê de apoiar uma manifestação, uma passeata; o porquê de tanta raiva e inconformismo... se há educação e comida na vida de todos que ali estão.
É nessa hora que notamos os muitos que não foram corrompidos, os muitos que se preocupam com o bem-estar geral, não só com satisfações particulares, ganhos e conquistas pessoais.
Ainda existe e resiste o humanismo. E não são os corações que vivem para bombear o sangue frio e aguado ao corpo; são corações que batem pelo calor humano, pra amparar e abraçar, por amor à vida e ao próximo.
Se há esperança?
Não posso responder por todos, nem quero. Mas garanto que existe uma grande maioria que ainda é humana e vislumbra isso. Sementes ruins e ervas daninha sempre existirão, e devem ser devidamente exterminadas; só assim, futuramente, prevalecerá o respeito e a igualdade social.


André Anlub®

Postagens mais visitadas deste blog

A chuva bem-vinda

Um Eu qualquer

Parte XI