Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 19, 2014

Em breve e logo mais, não são “pra já!” (em doze tempos)

Imagem
I

Saindo de Juazeiro, nuvens,
Sol quente, um pouco de sede e muito já de saudade;
Deixando o olhar dos cães
E os meus olhos úmidos para todos que tenho apreço...
Mas é breve, é coisa ligeira.

O tempo passa tão logo, tão “flash”, como os ponteiros do relógio,
Na pressa e na eternidade do tempo que sempre já foi.
Seguem avião e emoção,
Trocam-se óculos...
Escuros – de grau.

Vem bloquinho, vêm sonhos de realidades;
Ao meu lado na poltrona: ninguém!
Lugar vazio é coisa rara nos tempo de hoje...
Vai ver foi de sacanagem,
Para aumentar o vazio e duplicar a saudade.

II

Entrando em Brasília:
Nuvens parecem montes, montanhas;
Nunca as vi com tais formas.

Ao longe uma se destaca mais assanhada,
Como uma torre alta, feito um castelo.
Lá embaixo um rio longo
E a sensação de estarem todos dormindo.

III

Sábado (13/12/14):

Meu café, dia chuvoso – parque meio alagado,
Cabeça lenta, bate-papo com a vendedora de uma loja vazia
E o encontro com um amigo.

Já se foram àquelas pernas energéticas, descontroladas,
Que andavam de um canto…

Ótima sexta!

Imagem
On the road (Pé na estrada)
(...)
A South Main Street, por onde Terry e eu perambulávamos comendo cachorrosquentes,
era um fantástico carnaval de luzes e loucura. Policiais de coturno revistavam
pessoas em praticamente cada esquina. As calçadas fervilhavam com as personagens
mais maltrapilhas da nação — tudo isso sob aquelas suaves estrelas do sul da
Califórnia, perdidas na aura escura desse enorme acampamento no deserto que L.A.
realmente é. Podia-se sentir o cheiro de erva, de baseado, quer dizer, maconha,
flutuando no ar, misturado com o odor de feijão, chili e cerveja. Aquele incrível e louco
som de bop saía flutuando das cervejarias; o som embaralhava ainda mais aquela
confusão de cowboys de todas as espécies e boogie-woogie dentro da noite
americana. Todos se pareciam com Hassel. Negros muito loucos, com doidos bonés e
cavanhaques, passavam às gargalhadas, depois vinham hipsters cabeludos e
deprimidos, recém-saídos da Rota 66 de Nova York; e então velhos ratos do deserto,
com suas mochilas, i…