Para ponderação




Hoje me lembrei de ondas que surfei
Das "vacas" homéricas
Caldos eternos
Lembrei que surtei em mares no inverno
Em "pelo" no gelo
E o roxo dos lábios.
Lembrei-me de amores perdidos
De dores achadas
Meninas histéricas
Mulheres imaculadas.
Lembrei-me que a vida é um duelo
Dos práticos com os sábios
Do medo e o zelo
Do ter tudo sem nada.

André Anlub®

Postagens mais visitadas deste blog

A chuva bem-vinda

Um Eu qualquer

Parte XI