Não coloco o pé na estrada. Ela vem a mim.

Poesia é meu divisor de águas, carro-chefe da vida, bazófia ao meu cerne, cão de rua de raça e de briga, e cão de casa sem raça sempre “sussa”; não aponta dedos, e sim lápis, saboreia letras e trutas, embriaga-se com versos e viços, cheira pó de aragem e até ar viciado que quer deixar o vício; é norte sem ego e corte cirúrgico cego e assíduo; assobia e bebe cana, fala de boca cheia de ideias, come caviar e arrota fritas e usa roupa de quinta em pleno fim de semana.

- André Anlub


O PÔR DO SOL EM MARTE É AZUL
[Nasa]
"A Nasa acaba de divulgar a primeira foto a cores do pôr do sol em Marte, tirada pelo rover Curiosity.Ao invés das algo opressivas fotos diurnas, com o famoso céu avermelhado, o que aparece é o azul-escuro. Segundo os cientistas, o tom se deve às partículas de poeira na atmosfera filtram as cores em outras partes do espectro, mas deixam o azul passar. Quando o sol está se pondo, a luz precisa fazer um caminho mais longo, e o efeito acaba se tornando mais intenso. De, fato, em Marte, o pôr do sol é exatamente oposto ao da Terra: azul perto do sol, avermelhado em outras parte do céu."

Postagens mais visitadas deste blog

A chuva bem-vinda

Um Eu qualquer

Parte XI