poesia, persistência, persuasão e poda-se.


hoje me lembrei de ondas que surfei
das "vacas" homéricas
caldos eternos
lembrei que surtei em mares no inverno
em "pelo" no gelo
e o roxo dos lábios.
lembrei-me de amores perdidos
de dores achadas
meninas histéricas
mulheres imaculadas.
lembrei-me que a vida é um duelo
dos práticos com os sábios
do medo e o zelo
do ter tudo sem nada.

André Anlub


Duke Kahanamoku (Oahu, 24 de agosto de 1890 — 22 de janeiro de 1968) foi um nadador, ator e surfista dos Estados Unidos.
Ele foi um dos idealizadores do surf moderno. Foi em Estocolmo, 1912 como nadador, que começou a conquistar suas glórias olímpicas, que continuaram durante Primeira Guerra Mundial e foram testadas mais uma vez nos Jogos Olímpicos de Verão de 1920 e 1924. No total, foram 5 medalhas conquistadas, sendo três de ouro e duas de prata.
Duke largou sua carreira depois dos Jogos de 1924, mas o Havaí continuou muito famoso. Ele transformou o arquipélago, até ao momento pouco conhecido, no lar mundialmente famoso do surf.
Antes de morrer, em 1968, ainda foi estrela de cinema e lançou uma grife de surfistas. Por sua causa, o surf espalhou-se pelo mundo e tornou-se um desporto muito praticado e famoso.
Foi também um ator famoso nos Estados Unidos, tendo participado de muitos filmes, inclusive pornográficos.

Postagens mais visitadas deste blog

A chuva bem-vinda

Um Eu qualquer

Parte XI