Postagens

Mostrando postagens de Maio 10, 2015

Feliz Dia das Mães

Imagem

Tarde de 10 de maio de 2015

Ariano Suassuna...vc acredita em Deus?Olhem a sua resposta...
Posted by Paulo Leon on Sexta, 24 de abril de 2015

Tarde de 10 de maio de 2015 (como ninho de ovos, doces ou não)

Imerso em um mundo baldio que me faz encarcerado do meu próprio Eu inventivo, com um algema prateada, estilo seriado americano, apertada, enferrujada, tentando me impedir de escrever... Mas isso eu duvido. Não faz sentido ser tido como poeta e ter a poesia nem sequer por um minuto longe do ser. Acho que deve ser o cansaço; quiçá o cagaço de nunca mais escrever. Acho que pode ser o bagaço da laranja que já foi suco, chupada e espremida, a casca virou doce e agora tudo dá às caras e mostra o que sobrou: seus caroços... Quem sabe algo novo está para nascer... Quem sabe tudo isso é um pró-bônus; quem sabe um resquício de um prólogo tentando mostrar que algo melhor estaria porvir. Fico no aguardo e guardo a caneta e o bloquinho... Fico a observar os assíduos pássaros, dançando num indo e vindo, como vento, com suas pal…

Manhã de 10 de maio de 2015

Imagem
Manhã de 10 de maio de 2015 (como hippie que dança rap sendo “happy”)

Resolvi pintar, eram duas e vinte da madrugada. Uma água gelada, uma tela média e nua e rumo à varanda. Noite calma de lua escura, céu nublado e gatos passeando pelos telhados. Noite bucólica trazendo pensamentos com cheiros de saudade e maresia; noite minha extremamente minha, céu meu amenamente meu; sossego absoluto e o som baixo e fleuma do breu. Todavia, por toda vida me entreguei ao vasto. Não existia meio termo, ou era branco ou era preto; o cinza não estaria no meio, pois simplesmente não existia. Atualmente adaptei meu ser no colorido do mundo, como um cego que volta a ver. Posso então tirar pássaros e elefantes da cartola, não só coelhos; posso então abrigar a alma, e ter amigos dentro do coração e não somente mergulhados em boemias e copos. Faço uma amizade menos presente mas mais autêntica, sem barganhas e bagulhos, sem armadilhas de egos, vista grossa ou criação de cobras. A vida se expôs e expôs opções n…

Dueto da tarde (CXLIX)

Há 415 anos (17 de fevereiro 1600), um frade dominicano chamado Giordano Bruno foi queimado na fogueira por heresia....
Posted by Climatologia Geográfica on Domingo, 10 de maio de 2015

Dueto da tarde (CXLIX)

Vejo-te diante das flores e não sei mais quem é quem. E nem importa.
Mesmo que importasse, não importaria. Mesmo que soubesse, não saberia: há sempre algo além do quem é quem.
Este amor teu me faz menino; me nina, me guia e orienta o meu olhar à tua formosura e para o que há de formoso no mundo.
Vejo as flores diante de ti e não contenho a onda de ternura. Nela surfa meu coração encantado. 
Certo que às vezes revivendo o passado crio um presente paralelo, um mundo ainda mais belo caso escolhesse por outro caminho. Seria então um egocêntrico ainda mais feliz.
Tu ris disso, às vezes. E às vezes gargalhas disso. Mas agora não. Agora me olhas como se quisesses adivinhar o que adivinho.
Tu choras comigo, quase sempre, para me fazer companhia. Sei que de nenhuma melancolia é composto teu ser.
E…

Fulano, Sicrano, Beltrano

Samba Rock com Dendê em uma versão exclusiva pra vocês. Compartilhem à vontade!Ju Moraes - Voz e UkulelêAnderson Teles - CavacoIgor Cerqueira - BaixoDurval Santos - PandeiroMarlon Brazil - Teclados
Posted by Ju Moraes on Quinta, 7 de maio de 2015

Fulano passou quase o baile todo perturbando as meninas... era tal de “não” aqui, “não” acolá; o “não” ecoava pelo salão.
Faltando dez minutos para acabar o festejo ele levanta e brada: Sempre fui um defensor atroz do celibato.
(21/10/14)

Sicrano disse que iria votar num tal deputado que prometeu a ele dez quilos de carne... Colocou o n° do político, tirou a foto para provar seu voto e cancelou. Outro candidato concorrente do primeiro lhe prometeu quatro engradados de cerveja...
Sicrano seguiu o mesmo raciocínio anterior, e assim o fez com mais uma penca de candidatos... Sicrano garantiu seu churrasco de domingo com fartura, e ainda chamou muitos amigos. Ah, e como não gostava de nenhum dos candidatos... no final votou em branco. (5/10/14)

Beltran…