Postagens

Mostrando postagens de Setembro 27, 2015

Nos braços de Iemanjá

Und dann gibt es noch Leute, die behaupten wir seien die Einzigen im Universum...
Posted by Arthur Wottschel on Quinta, 11 de junho de 2015

Nos braços de Iemanjá

Nado por anos
não me afogo
senti ondas grandes
desenhos do mar.

Fui observado
sempre protegido
seguro e erguido
salso patamar.

Não há limites 
na nau da escrita
quando se leva
deixa-se levar.

Poderosa rainha
vaidosa e querida
me ensina, me guia
pelos caminhos do amar.

Os braços se cansam
comboiam os pensamentos
sem velas e ventos
com benção e guarida
entregando minha vida
nos braços de Iemanjá.

André Anlub