Curriculum Poético




(Curriculum Poético - do livro “Poeteideser”)

Começo pelo modo mais fácil, 
Entrego o meu ser por inteiro.
Espero uma solução instável,
Busco o dito amor verdadeiro.

Nunca fui exigente demais,
Também não sou perfeccionista.
Visto a camisa da paz,
Não vivo a vida seguindo uma lista.

Não traio e não suporto traição,
Atraio para mim uma forte energia.
Dispenso qualquer tipo de apresentação.
No sexo faço a dois a minha orgia.

Amo a natureza em geral,
O mar, sol, lua - o sul e o norte.
Penso que recíproca é uma coisa normal,
Não temo, nem subestimo, a morte.
Dinheiro para mim não é tudo,
Contudo, tê-lo não faz mal a ninguém.
Grandeza muitas vezes é absurdo
E humildade sempre receberá nota cem.

Não sou nenhum vegetariano,
Amo um bom filé mignon.
Faço aniversário todo ano
Não minto minha idade em vão.

Não me importo com cor, religião ou time.
Sou uma pessoa fácil de conviver.
Não me chateio se falam que meus versos não rimam,
Mas fico triste se a pessoa não ler.

André Anlub®
(3/5/09)

Postagens mais visitadas deste blog

A chuva bem-vinda

Um Eu qualquer

Parte XI